A nossa equipa

Eng. Florestal

Joaquim Sande Silva

Licenciado em Silvicultura, tem um Doutoramento em engenharia Florestal pelo Instituto Superior de Agronomia. Trabalha na Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Coimbra, em Portugal onde ensina disciplinas na área da ecologia e gestão do fogo. Foi coordenador dos projetos FCT Phoenix na área da ecologia do fogo e Wildgum sobre a naturalização do eucalipto em Portugal. Atualmente lidera o projeto Fogo e Invasoras (PDR2020) e o projeto Wildgum II (FCT). É autor de mais de duas dezenas de artigos científicos indexados pelo ISI Web of Science, sobretudo na área da ecologia do fogo e da ecologia das invasões biológicas. É também autor de mais de cem publicações não indexadas, incluindo apresentações em conferências, capítulos de livros e relatórios técnicos. Foi editor de 6 livros, e da coletânea Árvores e Florestas de Portugal (FLAD/Público/LPN). Fez parte das Comissões Técnicas Independentes para os incêndios de Pedrogão e de 15 de outubro de 2017, nomeadas pela Assembleia da República. Atualmente integra a Comissão Científica para as Matas do Litoral e o Observatório Técnico Independente para os incêndios florestais. Faz parte da Direção da Liga para a Proteção da Natureza.

jss@esac.pt

Eng. Florestal

Teresa Maria Pinto Coelho Amado Vasconcelos

Teresa Maria Pinto Coelho Amado Vasconcelos é presentemente Prof. Coordenadora na Escola Superior Agrária de Coimbra e Coordenadora do Curso de Mestrado em Recursos Florestais.

É Engª Silvicultora/Gestão de Recursos Naturais (ISA/UL), Mestre em Ecologia (FCTUC) e Doutorada, em co-tutela, pela Universidade de Orléans  e pelo Instituto Superior de Agronomia.

Colabora regularmente com o ISEC-IPC, com a FCTUC e com a Universidade de Mendel, BRNO, República Checa em aulas e seminários.  Apresentou mais de 150 comunicações em eventos científicos, técnicos e de divulgação versando os temas da  Biodiversidade, Apicultura e Sanidade Florestal. É autora de mais de 50 publicações e tem desempenhado funções de revisora de trabalhos científicos nomeadamente nas revistas Arthropod-Plant Interactions, Forest e Toxins.  Foi distinguida com o Prémio Lusofonia no Panorama Regional com o filme “A doença da murchidão do pinheiro” e no Concurso Internacional de Comunicação Científica Ciência Viva/British Council.

tvasconcelos@esac.pt

Ecólogo

Luís Queirós

Licenciado em Ecologia Aplicada com mestrado em Engenharia Florestal atribuído pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. Interessado em ecologia do fogo, serviços de ecossistemas, systems thinking e planeamento estratégico.

luis.queiros@esac.pt

Geógrafo; Eng. Florestal

Ernesto Deus

Ernesto Deus tem licenciatura e mestrado em Geografia pela Universidade de Coimbra, e concluiu doutoramento em Engenharia Florestal e Recursos Naturais na Universidade de Lisboa, com uma tese dedicada ao estudo da ecologia e naturalização do eucalipto (Eucalyptus globulus) na Península Ibérica. Atualmente, é investigador doutorado no Instituto Politécnico de Coimbra, no âmbito do projeto WildGum II, que investiga a naturalização do eucalipto através de deteção remota e marcadores genéticos (PDR2020-101-030919). É autor de nove artigos científicos, indexados pelo ISI Web of Science, maioritariamente dedicados ao estudo do eucalipto. É também assistente convidado na Escola Superior Agrária de Coimbra, onde leciona em disciplinas relacionadas com o uso do fogo. É técnico credenciado em fogo controlado, e tem dado formação no âmbito de simuladores de comportamento de fogo. Ao longo dos últimos anos, colaborou em diferentes projetos de investigação, incluindo o projeto Fogo e Invasoras, onde tem dado apoio técnico.

ernesto.deus@esac.pt

Biólogo

Mauro Nereu

Mauro Nereu licenciou-se em Biologia na Universidade de Coimbra e mais tarde na mesma instituição tirou mestrado em Ecologia. Na sua tese de mestrado lidou com o controlo biológico em vinhas, trabalhando com avifauna e insetos, trabalho que mais tarde veio dar origem a um artigo numa revista internacional. Depois do mestrado trabalhou como técnico de SIG na CTGA-Centro Tecnológico de Gestão Ambiental, em Coimbra e atualmente é bolseiro no Projeto Fogo e Invasoras. Os seus maiores interesses em termos de investigação são a ecologia de invasões biológicas, avifauna e controlo biológico. Trabalha e possui competências relevantes em bioestatística e SIG’s.

mauro.nereu@esac.pt

Bióloga

Hélia Marchante

Hélia Marchante é bióloga focando a sua investigação na área das plantas invasoras. Fez doutoramento em Biologia/Ecologia pela Universidade de Coimbra, em colaboração com a Universidade da Cidade do Cabo (África do Sul). É docente na Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Coimbra tendo como áreas principais de ensino a Botânica, a Dendrologia e a Gestão de Espécies Invasoras. É também investigadora no Centro de Ecologia Funcional da Universidade de Coimbra onde participa em vários projetos sobre plantas invasoras, incluindo temas como avaliação de impactes, gestão de áreas invadidas e controlo natural, entre outros. Publica regularmente sobre a sua temática de investigação e está envolvida em atividades diversificadas de consultoria, comunicação de ciência, sensibilização ambiental e projetos de ciência cidadã – sempre focados nas plantas invasoras.

hmarchante@esac.pt 

Biólogo

Simão Pinho

Simão Pinho licenciou-se em Biologia na Universidade de Coimbra e mais tarde na mesma instituição tirou mestrado em Evolução e Biologia Humana. Na sua tese de mestrado trabalhou com genética humana centrando-se na genética da obesidade, trabalho que mais tarde veio dar origem a um artigo numa revista internacional. Os seus maiores interesses em termos de investigação são a genética dos eucaliptos. Trabalha e possui competências relevantes em extração de DNA de humanos e plantas e realização de processos laboratoriais de genética.

simaopinho127@gmail.com

Eng. Florestal

José Gaspar

Licenciado em engenharia florestal pela universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, com o mestrado em Deteção remota ambiental obtido na universidade de Alberdeen. Doutorado em ciências aplicadas ao ambiente pela universidade de Aveiro. Atualmente é docente e investigador no departamento de recursos florestais, da Escola Superior Agrária de Coimbra – Instituto Politécnico de Coimbra, onde desenvolve investigação na área dos sistemas de informação geográficos, deteção remota e fogo controlado. Encontra-se envolvido nos projetos Aliens & Flames Wildgumm II.

jgaspar@esac.pt

Geógrafo

António Dias Ferreira

Coordenador científico do CERNAS (Centro de Estudos de Recursos Naturais, Ambiente e Sociedade) desde 2013 e coordenador do curso do mestrado em gestão ambiental na Escola Superior Agrária de Coimbra – Instituto Politécnico de Coimbra. Como investigador participou em mais de 35 projetos financiados pela União Europeia e pelo Governo Português. Apresenta uma vasta experiência de investigação em África e na América do Sul. Com mais de 60 artigos publicados em revistas internacionais e capítulos de livros e com mais de 150 outros artigos científicos e técnicos. Foi premiado com o prêmio de melhor Ph.D. em Mudança Global realizado em Portugal entre os anos de 1995 a 2000,  recentemente ganhou o Energy Globe Award de 2006 para Portugal com um projeto na área de gestão ambiental. Coordenou um projeto Life Environmental que foi considerado pela Comissão Europeia como Best Life Environmental Projects de 2007-2008, atualmente colabora entre os projetos no projeto WildGum II.

aferreira@esac.pt